contador

Hits Since February 12, 2007!

Free Hit Counter by Pliner.Net

Tradutor

Seguidores

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Até que a morte os separe





Estarão juntos até o fim.
Mesmo que roube dela o canto dos pássaros.
Mesmo que ele canse, dela, os passos.
Mesmo que tente fazer do riso pranto.
Mesmo que tente roubar-lhe o encanto...
Estarão juntos! até que a morte os separe.
É única e simples a verdade...
Os covardes não saem do lugar...
Esperam a morte chegar.
Não percebem que já morreram.
Que mataram!
Nas simples coisas que perderam.
Nos momentos que, de viver bem, deixaram.




Crédito da imagem-
http://angelcris.files.wordpress.com/2011/03/img_3514a.jpg

16 comentários:

A.S. disse...

Fátima,

Quanta verdade nesse teu delicioso poema!...
A rotina é uma tortura que mata lentamente!
Gosto de caminhar junto dos abismos, sentir o risco em cada passo, morder o beijo dentro da boca, sentir a doçura de um prazer em fúria!...


Beijos meus...
AL

M. disse...

Muito bom. Tu sabes o que é viver:)

Juntos até ao fim. Sempre:)

Sueli Gallacci disse...

Oi Fátima!

Que poema encantador! E como dizem verdades! Sair da rotina é preciso.

A vida a dois só é enriquecedora quando quebram regras, experimentam o improvável, aderem o atrevimento e até enlouqueçam um pouco - a dois!

Bjos amiga!

Anônimo disse...

Muito bonito, fofa!!!!!! Gostei!
Saudades, beijos e venha conhecer minha bebezinha quando ela nascer!
Ana.

Géssica Monteiro, muito prazer! disse...

Lindo!Estou em um momento que perdi um ex-namorado que tanto gostou de mim.Ele se foi em um acidente...Mas o que me conforta foi o quanto ele soube viver e o quanto ele passou de maneira bonita na vida das pessoas.Acho que viver é você aproveitar e valorizar cada dia.Sentirei saudades dele, mas estaremos juntos, mesmo com a morte que nos separa.
Parabéns...

afonso rocha disse...

...e viveram felizes para sempre!!!!....

rsssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss

Com carinho

afonso

hesseherre disse...

Quanta verdade nesta tua poética demonstração da força de uma união que se quer definitiva...
Estou contigo e jogo uma das tuas rosas para a Géssica Monteiro, dando a maior força a quem aliás já a parece ter...
Sergio sem mais rosas.

Miguel disse...

Verdadeiro este teu poema minha cara. "Os covardes não saem do lugar", não ousam.

Fátima, quero agradecer o selo que me deste, já o peguei e está no blog onde os coleciono, endereço:

http://mygifts-presentes.blogspot.com

Qdo tiver outros selos para distribuir pode me avisar que os quero. Novamente, grato pela lembrança, até novamente.

Poetas Insanos disse...

Olá Fátima...
''Juntos até o fim''
Há algo melhor do que acordar
consciente de que sempre haverá alguém ao nosso lado para compartilhar todos os momentos?
Linda sua poesia, palavras que emitem som.
Minhas sinceras desculpas pelo descuido de já não tê-la seguido.
Um abraço!

Fernanda Hauptmann disse...

até o fim soa agradável para uma romântica exagerada como eu!

Roy disse...

Vale que tantas vezes o melhor e separar ainda em vida.

"Life is very short, there is no time for fussing and fighting." (John Lennon)

bjx

Roy

Álvaro Lins disse...

Não me perdo-o por não "passar" aqui mais vezes!
Bjo

Catia Bosso disse...

Que pluralidade em expressão!
Amei!

bjs.

Catia

Valter Montani disse...

Fátima,

Até que a morte os separe, é uma frase forte.
Pois a morte pode se manifestar no dia-a-dia das pessoas infelizes em seus relacionamentos. bjs

C. disse...

Ei amiga,
acabo nao "saindo" fazer muitas visitas, elas ficam restritas aos blogs que recebo coments, por isso nao volto regularmente. Mas nao se preocupe, pode demorar mas nao perco de vista!

Que texto ótimo, acho vou até encaminhar... tanto casamento falido já por causa da tal conveniência, do medo de sair da zona de conforto. Um brinde à esse post!

hesseherre disse...

Fátima, a cada vez que aqui passo a passo de passeio, o faço entretido e divertido, pasmado e admirado com as tuas flores...
São muitas e são fortes, encantam a quem aqui passar.
Uma linda mulher? eu diria antes: UM LINDO BLOG.