contador

Hits Since February 12, 2007!

Free Hit Counter by Pliner.Net

Tradutor

Seguidores

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Pessoas e pessoas

Li que, existem dois tipos de escritos:
Aqueles que fazem sonhar e os que fazem pensar.
E pode ser que questione um terceiro:
Aqueles que não servem pra nada!
Não leia simplesmente!
Digo também que, creio na existência de variados tipos de leitores ou de pessoas. Os que passam pela vida apenas com o intuito de criticar. Mas, não conseguem sair do lugar, por que nada têm a acrescentar. E os que, sabiamente, fazem acontecer. Acrescentam!
Não consigo entender certos comentários ofensivos, com palavreados chulos, a troco de nada! Pelo simples fato de criticar.
Daria um bom tema para Immanuel Kant:

" Crítica da Idiotice Pura " ou
" Crítica da Razão Impura "!
Comecei a escrever, passar para o papel minhas angústias e incertezas, minhas tristezas e também minhas inúmeras alegrias. Sem medo!
Expondo-me, errando muito e aprendendo. Infelizmente, algumas pessoas têm o hábito de julgar às outras pelas suas próprias limitações. Às vezes até com crueldade. Não tem problema, de qualquer forma, eu não vou parar!
Junto- me aos que realmente tem história pra contar, aos que acrescentam, aos que não tem medo de errar e erram. Aos corajosos!
Aos que tem garra pra sair de um lugar comum, por que sabem que podem chegar e, chegam! Como um

"A. GONÇALVES ", coisas pra poucos.
Coisa pra MIM!
E, sendo assim, junto- me aos que tem alegria de viver, aos que tem coragem de aprender, ler, escrever e assinar. Aos que tem algo pra contar, acrescentar, aos que sabem criticar e argumentar. E, se não agrado...
Desculpe-me, minha intenção nunca foi ser ofensiva e nem magoar. Também, nunca escrevi com a intenção de surpreender, agradar.
Escrevi e escrevo pelo simples fato de escrever. Com coragem de expor sentimentos. Verdadeiros! Em escritos recheados de erros, de angústia e, às vezes, de muita dor. Será que, nenhum acerto?

Alguns acertos... Sim!!!
Desculpe-me, se não escrevo pra agradar...

Não escreva pra magoar... Respeite!
Perdoe- me, não quis ser ofensiva. Gostaria de não estar escrevendo assim.
Perdoe- me!

4 comentários:

Anônimo disse...

Querida Fátima, ou Maraláxia, ou que mais nomes v. tenha, não importa...o que importa é que existem tintas reais e tintas virtuais, as que enchem nossas canetas e as que nos fluem dos teclados.
A tua tinta é tinta mesclada de pureza, de sentimento, de vida e amor ao próximo, v. tem o dom de parecer a boneca sapeca e esperta do saudoso Monteiro Lobato: vivaz, matreira, voltada para as boas e grandiosas ações, ela se destaca no Sítio de D. Benta. V. no seu site passa a menina travessa que v. guarda dentro de si, e reparte com quem tem a ventura de entrar em contato contigo...fizeste bem em deletar.
Sergio P13

Anônimo disse...

Olha Didi que elogio mais legal, hein?????? Parabéns e continue escrevendo, BONEQUINHA SAPECA................................................................
Beijos, Ana.

Anônimo disse...

Ahhh não podia deixar de comentar...exata/te assim sapeca e esperta que te sinto...grande alegria para quem tem capacidade de compreender.Uma "ventura",eu diria uma aventura de pessoa rs.PXSac

Gataláxia disse...

Bem- aventurados os aventureiros que, têm a ventura de aventurarem com a minha venturança. Bem –vindos ao meu reino:
O reino da bestança!
Bjs
Fativentura