contador

Hits Since February 12, 2007!

Free Hit Counter by Pliner.Net

Tradutor

Seguidores

quinta-feira, 17 de maio de 2007

Amor...

Um dia alguém falou sobre o amor... E disse que o amor a gente sente.
E é isso mesmo! Amor é algo que a gente sente bem de perto, e quando ausente, faz sentir saudades.
Algo bom de sentir e por mais que a gente tente, fica difícil explicar. Diferente da paixão que às vezes foge da razão. Curiosidade impulsiva talvez, não sei!
Transfiguração dos humanos que surge em épocas da vida.
Momentos que parecem milagres diante de um infinito súbito. Tão desconexo quanto este meu escrito.
Sentir-se imobilizado diante de um solo trêmulo. Efêmero!
Atrai o desregrar!
Largar as rédeas diante do infinito desmedido. Sentir a felicidade onde se sente "mais" ! Não importa o perigo. Maneira superficial e ingênua de pensar.
Condutas que levam a suposta felicidade. Momentânea?
Que importa? Não sei!
Amor... É o que sempre digo:
- Ai... o amor!
É algo mais vasto. Horizonte sem fim!
Crepúsculo dourado!
Algo inexplicável, sublime... Não dá pra explicar!
Por que amor... a gente sente!

7 comentários:

Anônimo disse...

"Momentos que parecem milagres diante de um infinito súbito".
Parece que eu tinha lá, que era difícil explicar...Então, como vc explicou tão bem?

Gataláxia disse...

Porque sou inteligente!

Anônimo disse...

Ai que linda, ela é inteligente mesmo... vai lá fora ver o bonito vai.... Parabéns pra mim, hehehehehehe, 30 aninhos!!! Ana.

Gataláxia disse...

Aos meus queridos aniversariantes do mês de maio...
Mesmo distante... Parabéns!
Seres especiais, inteligentes animais!
Quem somos e para onde vamos?
O importante é que aqui estamos!
Fomos colocados na vida de cada um,com uma função especial.
Parabéns a vocês!
Com carinho da Maraláxia.

Anônimo disse...

Pessoa de bem- Escreve tão bem...
Parabéns!

Anônimo disse...

seus escritos não são desconexos maraláxia. Voce é uma pessoa divertida e sensivel.

Anônimo disse...

Que triste...eu acho que amor não existe.Não da maneira que tentam decifra-lo...é sim um sentimento muito forte que temos por pouquíssimas pessoas nesse mundo...uma filha,um filho...o resto é querer bem e o que sentimos por uma mulher ou um homem é paixão ou tesão ou...perdição.Não consigo vislumbrar"momentos que parecem milagre diante de um infinito súbito".Vc escreve bem Maraláxia,é sensível porém sempre existirá aquele(a)"do contra".Px Sac