contador

Hits Since February 12, 2007!

Free Hit Counter by Pliner.Net

Tradutor

Seguidores

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

É primavera












Não vejo diferença entre as estações.
Esse jardim é sempre, muito, florido.
Lá, falam de amor as flores.
E na beleza das cores,
vejo pássaros perdidos.
Mesmo no inverno!

Mesmo o sol escondido,
as nuvens descortinam mostrando a claridade.
Nada assombra esse jardim.
Verdade!

Nesse jardim
não diferencio as estações.
Mas, principia a primavera.
Quem dera a menina doce e matreira...
Pudesse, de esguelha,
olhar a Rosa da janela.

E, dela, levar a bronca:
ACORDA PRA VIDA!
E ela pudesse ouvir a fala manhosa e sentida
lá... do doce castigo:
Venha caçar borboletas comigo... é
primavera...
Quem dera mãe!

2 comentários:

Anônimo disse...

Em algum cantinho daquele jardim, ela deve estar escondida morrendo de rir de vc!!!!!!!!!! Saudades dela e de todos vcs... beijos, Ana.

Gataláxia disse...

Será?... Quem dera! Beijos meus.